“Nossa Conta”

Postado por

Regina Tavares

Mais posts
em 17/out/2014 - Sem Comentários

Por Regina Tavares

São Pedro até tenta, mas não consegue. O clima seco e árido impacta os dias de um verão eterno, enquanto, no final das tardes, a iminência de um temporal desponta num céu nublado e tenso. Os paulistanos se preparam: lançam mão de suas sombrinhas, sacam suas capas de chuva, já empoeiradas pela falta de uso, e esperam ansiosamente para fazer jus ao título de moradores da “Terra da garoa”. Entretanto, novamente a chuva não vem, apesar de algumas gotas teimarem em cair aleatoriamente no solo da capital. O que resta da Mata Atlântica já apresenta sinais de exaustão e focos de incêndio se tornam corriqueiros na paisagem da cidade.

nossa conta

O cenário é de disparidades e contrastes. O DAE (Departamento de Água e Esgoto) exige que o Governo reconheça o infalível diagnóstico de falta d’água. Os mais pessimistas já sucumbem à histeria e se põem a discorrer sobre “êxodo urbano”. Os mais levianos continuam a lavar suas calçadas com o uso de mangueiras coloridas numa trivialidade que beira o incômodo. A opinião pública procura denunciar o racionamento de água já existente, porém velado, em bairros periféricos.

De toda sorte, entre “sedentos” e “línguas de fora”, algo é certo e inevitável, o meio ambiente vem refletindo séculos de exploração de seus recursos em nome de um progresso e desenvolvimento constantes. Parece, que a conta chegou e teremos que pagá-la!

Inté!

Transitar: em breve um arcaísmo

Postado por

Carlos Augusto Andrade

Mais posts
em 29/mai/2014 - 2 Comentários

Por Prof. Carlos Andrade

 

A cada dia olho com muito dissabor o trânsito de São Paulo. Sei que já não é uma questão da nossa cidade apenas, mas tive de mudar de casa, para pegar o contra fluxo, ou teria uma taquicardia sem precedentes.

Todos sabem o que significa trânsito? Bem, Michaellis diz que:

img_tabela

São tantas as possíveis definições, mas nenhuma delas me deixou feliz, tendo em vista a vivência do cidadão paulistano. Para entender o título deste post, é importante conhecer o significado de “arcaísmo”:  falta de uso de determinada palavra em uma língua. Acompanhem, pois “transitar” pode ser algo que deixe de existir.

O primeiro conceito ligado a esta palavra diz que trânsito é “ação ou efeito de transitar”, ou seja, o verbo indica movimento, ida de um lugar para outro. No entanto, parece-me que o vocábulo está em transição significativa, logo, transitar, se as coisas não mudarem poderá indicar a saída de um veículo para ficar parado junto com outros na rua. Observem:

trânsito

Parece brincadeira, mas não é… a cada dia o número de carros aumenta e o de estradas permanece o mesmo. O pior é que ninguém mostra estudos que possam dar conta de ajustar o problema. Não há planejamento para o transporte coletivo que fizesse a população deixar o carro em casa, pela menos que seja do nosso conhecimento. Dessa maneira, corredores de ônibus, metrô e outras possibilidades já não dão mais conta.

Que tal entrarmos em um ônibus:

ônibus lotado

Agradável, disputar um lugar. E vejam que desaparece até a noção de cavalheirismo. Cada um pra si e Deus dê um lugar para quem tiver força e sorte.

Outro transporte que nos dá orgulho é o nosso Metrô, puxa quanta sofisticação:

metrô lotado

Calor humano é o que não falta. Não é possível sair para o trabalho ou voltar para casa sem experimentar um alto grau de estresse.

Pensam que nossos aeroportos estão melhores? Ledo engano:

aeroporto lotado

Agora fico pensando: com esses problemas de transporte individual e coletivo, como daremos conta para atender todos os turistas que desembarcarão no país para a Copa do Mundo? Os únicos que conseguirão transitar se houver urbanidade, serão os jogadores no campo. Espero que a vergonha que passaremos não nos deixe em posição ruim em algum ranking mundial, pois os últimos que tenho lido sobre educação, saúde e outras questões não são muito bons.

Daqui a pouco, conseguiremos apenas usar o verbete “trânsito” para significar apenas morte, passamento (item 6 do dicionário), pois de certa forma as pessoas preferem que esse fique bem congestionado.

E aí? Vamos até o metrô Sé, pegando o trem em Artur Alvim? Convite de grego, né!. Lembrei-me de uma novela: “Entre tapas e beijos” podemos conseguir.

Se não observarmos qualquer evolução para o trânsito neste ano, precisamos mudá-lo nas próximas eleições.

Altos e baixos

Postado por

Marcelo Paes Barros

Mais posts
em 26/set/2013 - 4 Comentários

Mais uma vez, prezados leitores, o hermético editor que aqui vos escreve tentará dissuadi-los da possibilidade de se entender o comportamento humano e outros fenômenos naturais através de leis matemáticas. Tal proposta permitiria que, mediante uma correta análise de variáveis, um bom algoritmo e a exatidão de cálculos pudéssemos obter respostas finais que nos conduzissem a decisões mais acertadas na vida, com menores riscos de erros. Que pretensão a minha! Mesmo assim, aqui vão minhas ideias.

Um dos ditados populares que melhor reproduz fatos reais da vida humana é: “Depois da tempestade vem a bonança”. Contudo, o que ditado não diz é que depois da bonança, vem novamente a tempestade! Meus amigos, a vida é feita de ciclos. O problema é que não sabemos com que frequência cada ciclo ocorre. Quer um exemplo bem claro do seu dia a dia? Se seu time de futebol passou por um período glorioso, de conquistas e títulos homéricos, pode esperar o fatídico declínio em um curto intervalo de tempo. No cenário futebolístico nacional, é o que acontece atualmente com as equipes do Corinthians e do Santos, por exemplo. Campeões regionais, continentais, internacionais, etc., hoje estas equipes enfrentam um duro período de reestruturação e, inevitavelmente, resultados não condizentes com as recentes glórias. Por outro lado, duas equipes concorrentes locais que nos últimos anos colecionaram frustrações nas competições que participaram parecem ter renascido das cinzas: Palmeiras e São Paulo. Sobe e desce. Uma gangorra. Não há como fugir disso.

Na verdade, esse fenômeno já era estudado e conhecido desde a Antiguidade, uma vez que os gregos já descreviam uma emblemática entidade mitológica denominada fênix. Renascida das cinzas, a fênix significava uma nova vida cheia de esperança, força e determinação. Até mesmo a moda é cíclica! Calças Saint Tropez ditavam a moda nos anos 70, mas eram totalmente ridículas nos anos 80 e 90. Curiosamente, vários catálogos atuais das melhores grifes mostram cortes de calças com quase um palmo acima do umbigo! Cores fluorescentes da época do New Wave, anos 80, voltam com tudo nesse verão! Por esse motivo é que ainda guardo minhas calças boca-de-sino, rs (sim, com os devidos ajustes na cintura).

Imagem: Fênix

Idas e vindas. Altos e baixos. Oscilação. A figura abaixo mostra um gráfico de um oscilador harmônico. Há fórmulas matemáticas que podem explicar esse tipo de função, mas, obviamente, não as vou apresentar aqui. Esse modelo pode, inclusive, ser utilizado para explicar parte do movimento de elétrons em torno de núcleos atômicos. Até mesmo o comportamento populacional pode ser parcialmente moldado por esse algoritmo. Psicólogos observaram que há, inclusive, uma tendência comportamental entre as recentes gerações: pais descolados têm filhos conservadores enquanto que pais conservadores geralmente têm filhos descolados! Se fizermos uma análise mais aprofundada, podemos identificar mais claramente este fenômeno nas gerações de pais hippies dos anos 70 com seus filhos yuppies dos anos 90 (estes movidos pela sedução do capitalismo, corporativismo, ostentação e ganância).

Adoro praia, odeio montanha. Fique seis meses na praia e você verá as saudades que terá de um chocolate quente e uma lareira crepitando. Até mesmo uma briga de casais envolve este tipo de mecanismo! Uma acusação agressiva rapidamente é seguida por uma retratação conscientizada pela mesma pessoa! O que é mais curioso é que o outro participante da briga apresenta o mesmo padrão agressão-retratação, mas em fase oposta! hahahaha.

Contudo, em se tratando da vida a dois, um fator atenuante se inclui nas relações humanas: a paciência, também entendida como a concessão ou pré-disposição a ceder do seu ponto de vista. Assim sendo, meus amigos, o gráfico abaixo ilustra o fluxo de oscilações de atritos de um casal QUE BUSCA A HARMONIA usando, para isso, muita paciência. Para que este perfil matemático seja seguido, o fator atenuante (a paciência) deve ser constante e, assim, afetar igualmente e continuamente as duas amplitudes de oscilação. Entendeu? Não? OS DOIS LADOS DEVEM CEDER, MEUS AMADOS LEITORES! SÓ ASSIM DÁ CERTO!

Para uma vida mais consciente, na qual tendemos a limitar o número de erros, entender essa gangorra de emoções, comportamentos e tendências parece trazer alguns benefícios. Altos e baixos, meus amigos. Um abraço.

Inscreva-se para o curso gratuito de Educação Financeira.

Postado por

Universidade Cruzeiro do SulSeja Bem-vindo ao Blog da Extensão da Cruzeiro do Sul.

Mais posts
em 02/abr/2013 - Sem Comentários

De 2 a 9 de abril a Universidade Cruzeiro do Sul inscreve para o curso de educação financeira gratuito e oferecido aos alunos de escolas públicas, com a idade de 14 a 19 anos, que residem próximo a São Miguel Paulista.

As aulas terão 16h e serão ministradas por monitores universitários capacitados pela Serasa. As turmas serão divididas às terças-feiras (16, 23, 30 de abril e 7 de maio) e às sextas-feiras (19 e 26 de abril, 3 e 10 de maio), sempre no mesmo horário, das 13h30 às 18h.

A iniciativa integra o projeto UniSol-Cidadã de extensão comunitária, da Pró-reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários e acontece desde 2012. Nesta fase, conta com a parceria da Universidade Solidária/Alfasol e Serasa Experian. O intuito é capacitar os jovens na prática de fazer orçamentos de gastos, atuar em temas de economia, tipos de investimentos, aumento de receitas, além de diminuir eventuais despesas.

As inscrições devem ser realizadas na sala 310 B, do campus São Miguel. Os 200 jovens selecionados receberão um aviso por e-mail ou mensagem SMS. Ao final do curso, os alunos receberão um certificado de participação.

Serviço
Curso gratuito de educação financeira
Datas de inscrição: 2 e 9 de abril de 2013, das 14h às 17h
Local: sala 310 B, no campus São Miguel
Endereço: Dr. Ussiel Cirilo, 225, Vila Jacuí
Informações pelo telefone: (11) 2937-5858 (apenas as terças e quintas-feiras, das 14h às 17h)

Dias das aulas
1ª turma: 16, 23, 30 de abril e 7 de maio, das 14h às 17h
2ª turma: 19 e 26 de abril e 3 e 10 de maio, das 14h às 17h

Coordenador de Estética e Cosmética na Hair Brasil 2013.

Postado por

Universidade Cruzeiro do SulSeja Bem-vindo ao Blog da Extensão da Cruzeiro do Sul.

Mais posts
em 26/mar/2013 - Sem Comentários

O Prof. Carlos Oristanio, coordenador do curso de Estética e Cosmética da Cruzeiro do Sul, será o palestrante do 12º Workshop Hair Brasil, evento realizado simultaneamente a HAIR BRASIL – 12ª Feira Internacional de Beleza, Cabelos e Estética, que acontecerá de 06 a 09 de abril, no Expo Center Norte, em São Paulo.

A palestra será ministrada no dia 06 de abril, das 17h às 19h30, e discutirá a constituição legal e administração aplicada a empresas de beleza, além de algumas sugestões de trabalhos nas empresas desse segmento.

No evento, os alunos do curso de Estética e Cosmética marcarão presença para aprimorar conhecimentos e conhecer as últimas tendências do mercado de beleza.

HAIR BRASIL – 11ª Feira Internacional de Beleza, Cabelos e Estética
Data: 06 a 09 de abril de 2013

Para inscrições e informações acesse aqui o site da Hair Brasil

Horário: das 10h às 20 horas
Local: Pavilhões do Expo Center Norte.
Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme – São Paulo Perfil do evento: Feira comercial para negócios, lançamentos de produtos, equipamentos e serviços para os setores de cabelos, beleza e estética

Sobre o palestrante
Carlos Oristanio é administrador, palestrante e professor em gestão empresarial, coordenador do curso Estética e Cosmética da Universidade Cruzeiro do Sul – SP.

ASSINE O FEED RSS

Acompanhe nosso blog pelo feed

O BLOG

O objetivo central do veículo é estimular o senso crítico e o poder de reflexão de seus leitores sobre temas que transitam entre conhecimentos científico e de caráter geral.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

TAGS