Por Carlos Augusto Baptista de Andrade

 

É engraçado como nossa vida é cheia de momentos em que devemos escolher algo. Uma coisa é certa, haverá sempre uma bifurcação e dúvida.

A experiência vai ajustando nossas escolhas. Isso não significa que pessoas jovens não possam fazer escolhas acertadas. Significa que pessoas de qualquer idade precisam observar a vida e transformar cada momento em experiência, não ter memória curta e saber diferenciar o joio do trigo.

Acho que isso é o mais complicado às vezes, pois quando o sentido das coisas parece muito próximo, há uma tendência em escolher qualquer um sem avaliar, pensando que tal escolha não pode oferecer muito perigo, tendo em vista sua proximidade.

Ledo engano, todos já ouviram falar da parábola do Joio e do Trigo. Se observarmos,  apenas o sentido literal das palavras, joio, segundo o dicionário é uma planta da família das gramíneas, de sementes tóxicas, comum nos prados e nas culturas, que prejudica o crescimento dos cereais. Já o trigo que produz o grão (cariopse) de que se extrai a farinha usada especialmente para o pão, é uma planta herbácea, da família das gramíneas, cereal por excelência. Como se vê, ambos são da mesma família, no entanto um é tóxico e o outro é alimento.

destaque_menor

Aparência nem sempre quer dizer qualidade, por isso tomar as melhores decisões refletindo criticamente sobre cada problema é uma exigência, para evitar arrependimentos.

São tantas as decisões que tomamos diariamente, temos uma bem séria chegando… eleições… está difícil separar o trigo do joio, mas é preciso buscar novas saídas e participar, para melhorar o nosso país.

Grande abraço e lembrem-se sempre: joio e trigo estarão sempre diante de nós, o mais importante é buscar conhecimento para saber diferenciá-los. Conhecimento e experiência vão nos aproximando das melhores escolhas.

Abraços e até mais.

 

 

2 respostas para “ENTRE O TRIGO E O JOIO: ESCOLHAS QUE FAZEM A DIFERENÇA”

  1. Carlos disse:

    Belo texto, por isso é preciso analisar bem e tomar decisões somente após pesquisar muito bem.

  2. Jacques D N de Paula disse:

    Muito bom este post! Com relação a política, as vezes tenho a impressão que a população só tem a opção de votar no joio e nunca no trigo! Apesar de ambos estarem ali, juntinhos, devido serem praticamente iguais, acredito que o joio acaba parecendo mais com “trigo” do que, o trigo propriamente dito!

Deixe uma resposta

ASSINE O FEED RSS

Acompanhe nosso blog pelo feed

O BLOG

O objetivo central do veículo é estimular o senso crítico e o poder de reflexão de seus leitores sobre temas que transitam entre conhecimentos científico e de caráter geral.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

TAGS